OCD Holding

Vera Cruz adquire mais Mega Plus

A Viação Vera Cruz, sediada em Duque de Caxias/RJ, adquiriu uma unidade do Neobus Mega Plus, encarroçado em chassi OH-1621L, da Mercedes-Benz.

Esta unidade vem se juntar às outras 6 deste mesmo modelo, anteriormente adquiridas pela empresa.

Como diferencial, este veículo possui itinerários eletrônicos da marca Dimelthoz, ostenta o layout verde da empresa e, o mais curioso, é equipado com uma plataforma elevatória para cadeirantes do modelo ATR 1800, fabricada pela Ortobrás.

Produto elaborado para veículos de aplicação rodoviária, esta plataforma elevatória se destaca por ser mais compacta que as plataformas para uso urbano, já que sua posição recolhida é abaixo do salão de passageiros, sofrendo menos os impactos do uso diário, como trepidação, desembarque de passageiros, entre outros.

Como outra vantagem, desta vez para os passageiros, esta plataforma elevatória possui a necessidade de uma retirada de uma menor quantidade de assentos do salão de passageiros, uma vez que o posto do cadeirante fica exatamente na porta de acesso, não havendo a necessidade da retirada das 4 poltronas do lado oposto à porta.

A Equipe OCD Holding agradece à Ortobrás, à Neobus, à Viação Vera Cruz e à Coesa Transportes pela demonstração deste veículo.

Texto: Felipe Sisley

Fotos: Felipe Sisley

Compartilhe este post

11 comentários em “Vera Cruz adquire mais Mega Plus”

  1. Excelente novidade essa do elevador. Seria a primeira empresa de ônibus urbano com esse modelo no país?
    Tomara que seja bem funcional.

      1. Bem interessante, as portas são então manuais,somente sendo abertas quando há necessidade. Além da questão do espaço também deve fazer menos barulho interno uma vez que o elevador não vai ficar batendo dentro do ônibus. Boa iniciativa da Vera Cruz, tomara que vá adiante. Obrigado pelo vídeo.

  2. Muito interessante esse elevador. Nunca tinha visto o funcionamento dele.
    Vídeo bem didático. Espero que esse iniciativa seja disseminada, pois esses elevadores atuais deixam a desejam, principalmente os que são alocados com a porta de desembarque. O fluxo continuo de passageiros deve acabar com o produto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.