Condor – A lendária carroceria de duralumínio

A nossa Condor inicialmente foi originada ao nome da carroceria urbana da Ciferal Paulista (subsidiária da Ciferal Rio) que produziu no biênio 1978/1979. Ao todo foram 552 modelos Condor na versão urbana e apenas uma carroceria rodoviária. A partir de meados de 1979 (com a separação da matriz carioca), a Ciferal Paulista passa a se chamar Condor.

Fagundes - RJ 101-001 Condor

Ao todo foram comercializadas 5520 unidades produzidas no bairro do limão, em SP, sendo ainda construídas 35 carrocerias rodoviárias (denominadas Anhanguera) e apenas dois articulados em 1983. Com a forte missão de substituir a antiga patente da gigante encarroçadora do Rio, a Condor fez muito sucesso, principalmente pelas empresas de transporte coletivo nas principais cidades do sudeste, até mesmo fazendo concorrência na cidade maravilhosa.

PENTAX Image

Porém em 1984 é agravada a situação da empresa, deixando de fabricar ônibus no auge da sua produção em série, na qual foi deflagrada a sua falência no final de 1984. Tempos depois é adquirida como massa falida e surge a Thamco no ano seguinte que deu origem a San Marino – Neobus, mas isso é outra história que veremos um dia…

Colégio Sete de Setembro - Condor

Fonte: Inbus Transport
Fotos: Acervo OCD Holding

Compartilhe este post
Previous Article
Next Article

Mais vistas do dia

Chegaram os F2400 da N.S. da Penha
Tj Turismo com novos DD's na frota
Jabour vem de Ideale
Viação Ideal renova a sua frota com Apache Vip

Instagram

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.